Apresentação da APP “Minha Freguesia”

Inovamos na forma de comunicar com os “nossos” fregueses.

A Junta de Freguesia de S. Victor apresentou, no passado dia 26 de setembro, uma aplicação inovadora para telemóveis que pretende facilitar a comunicação entre a autarquia e os seus fregueses, auscultando de forma direta as reclamações e sugestões dos cidadãos, desenvolvendo assim o princípio de cidadania ativa.

Criada em parceria com a empresa BSB, a aplicação “A Minha Freguesia” desafia os cidadãos a ajudar a «construir uma freguesia melhor». Segundo o presidente da Junta de Freguesia de S. Victor esta nova aplicação foi criada para reforçar os canais de comunicação celebrando assim a marca de 25 mil eleitores, alcançada no passado dia 31 de agosto, numa freguesia que tem efetivamente entre 32 a 33 mil habitantes.

De acordo com Ricardo Silva, «uma vez que a gestão de proximidade sempre foi uma marca da freguesia de S. Victor, o reforço dos canais de comunicação é cada vez mais premente para conseguir alcançar todos estes cidadãos em simultâneo». O autarca admite que se trata ainda de dar cumprimento aos compromissos a que se propôs em sede de candidatura, em 2013, nomeadamente o de proporcionar aos cidadãos serviços digitais que facilitassem o acesso à própria autarquia.

«Ainda que esta autarquia seja de facto uma autarquia de porta aberta e tenha os seus serviços em regime alargado, a verdade é que há sempre determinadas pessoas que podem ter mais dificuldade em aceder à sede da freguesia», argumentou. A nova aplicação funciona de duas formas distintas, estando disponível para telemóveis em sistemas android, ios e windowsphone, mas também através da página de internet www.juntasvictor.pt através do item “Balcão Virtual”.

O programa não se limita aos residentes na freguesia, estando aberto à participação cívica de todos os cidadãos interessados em melhorar a freguesia, dado que há muitos que apesar de ali não residirem, ali têm o seu negócio, ali estudam, ou por ali passam diariamente. «O que queremos é tentar ouvir ao máximo as pessoas e dar a oportunidade de melhorar ao máximo a freguesia», argumentou Ricardo Silva, que lembrou ainda que a aplicação permite o encaminhamento célere dos processos, abandonando o modelo tradicional em papel.

Participem.

dm160927_minha-freguesia cm160927_minha-freguesia img_2407 img_2409 img_2421