O auditório da Escola EB 2,3 Dr. Francisco Sanches foi pequeno para acolher a elevada afluência de público à 3.ª edição da iniciativa Cantar as Janeiras em S. Victor, organizada pela Junta de Freguesia de S. Victor. O evento decorreu no dia 22 de Janeiro e contou com a participação de cinco grupos sediados na localidade.

Orfeão de Braga, Associação Cultural e Festiva ‘Os Sinos da Sé’, Grupo Coral de Guadalupe, Grupo Coral do Centro Social Quinta da Armada e Agrupamento 660 do CNE-Montariol foram os grupos que passaram pelo palco do auditório, entoando cada um deles quatro temas.

“Por aqui se vê a riqueza do nosso cancioneiro e do património etnográfico pois são cinco grupos, cada um interpreta quatro temas todos eles diferentes. Ou seja, no total são 20 músicas de Reis e Janeiras que temos oportunidade de ouvir”, referiu Ricardo Silva, presidente da Junta de S. Victor. O autarca realçou ainda que enquanto presidente da Junta é para ele “um orgulho” ter na freguesia grupos que preservam as tradições, como é caso destes cinco que foram convidados para a iniciativa que animou a tarde de 22/01.

Ricardo Silva mostrou-se ainda bastante satisfeito com a adesão dos seus fregueses, demonstrando-se assim que as tradições e a sua preservação também dizem muito a quem reside no centro
urbano. Referiu igualmente que o trabalho com os grupos, colectividades e associações é continuo para este executivo local, que se orgulha de ter uma calendarização de actividades ao longo de
todo ano. “A freguesia de S. Victor é rica do ponto de vista associativo e é intenção da Junta de Freguesia valorizar os Grupos Culturais e todo o movimento associativo, num evento que funciona como mostra daquilo que os grupos tão bem sabem fazer”, rematou.

VER AQUI FOTOS