Grupo de Cantares Mulheres do Minho

CantaresMulheresdoMinhoEste Grupo de Cantares surgiu por se ter constatado que, pouco a pouco, as verdadeiras intérpretes desta música vocal vão desaparecendo. Uniu-se o gosto de cantar com a vontade de dar voz a estes cantos de mulheres. Alguns dos elementos do Grupo tiveram mesmo um contacto directo, na sua infância e mocidade, com estas manifestações musicais. Tentou-se uma aproximação tão grande quanto possível aos modelos ouvidos e gravados. Não se trata, porém, de um acto de pura imitação mas antes um acto de aproximação com a finalidade de preservar do passado aquilo que foi semente de trabalho e de fruição.
Acredite-se que estes cantares que, durante séculos, animaram trabalhos e serões, poderão ser recantados e apresentados como uma situação poético-musical que traz em si a marca da realidade social e artística.

“Escola de Pintura da Junta de Freguesia de São Victor”

Curso_PinturaDando seguimento à sua política para a Área da Cultura, a Junta de Freguesia de S. Victor, em colaboração com as Professoras Ana Patrício e Maria João, inicia em Outubro de cada ano o “CURSO DE PINTURA”, aceitando inscrições de todos aqueles que desejem iniciar, aprender e evoluir, numa das rubricas de Arte que tem conquistado o interesse de Jovens e menos Jovens. O resultado tem sido conferido todos os anos com a exposição de vários trabalhos de grande qualidade e a visita de centenas de pessoas à Galeria da Junta de Freguesia, onde os trabalhos expostos demonstram o “PERCURSO”, observando-se o nível de progressão nesta Arte de cada um dos Artistas presentes.
Informações e inscrições podem ser efectuadas todos os dias úteis das 9h00 às 18h45, nos Serviços Administrativos da Junta de Freguesia de S. Victor, ou pelo endereço: geral@juntasvictor.pt

Estudantina de Braga

ESTUDANTINA_DE_BRAGAA Estudantina de Braga é uma tuna masculina, constituída por tunos de outras tunas, que não perderam a ligação com estas, mas que abraçaram este propósito na esperança de chegar mais longe, de manter viva a tradição, o amor e o tão falado espírito tunante. Como o conceito de uma tuna constituída apenas por tunos de outras tunas é limitador e demasiado selectivo, alargamos a nossa selecção a estudantes e ex-estudantes de Braga, ou seja, pessoas que tenham, de alguma forma, uma ligação a esta nossa querida cidade, que no fundo é o que nos une.Esta novel Instituição alegra todas as terças feiras o edifício da Junta de Freguesia de S. Victor com os seus ensaios, sendo notável o seu crescimento quer em participantes quer na qualidade dos temas que apresenta.

A alegria contagiante é um dos seus inconfundíveis cartões de vista.